O ano de 2011entregou à história a Jornada Mundial da Juventude de Madrid como uma das maiores e melhores. Alguns jovens da nossa Diocese tiveram a alegria de participar pessoalmente, representando a própria paróquia naquele grande encontro.
E foi lá que o Santo Padre anunciou que a próxima Jornada Mundial da Juventude seria no Brasil, em 2013. E já chegaram ao Brasil, no mês de setembro, os símbolos da jornada: a Cruz e o Ícone de Nossa Senhora. A recepção no Campo de Marte, em São Paulo, de mais de cem mil jovens foi o início desta grande maratona até julho de 2013.
Cores, ritmos e sons, muita fé, emoção e alegria dos jovens marcaram a espera e a chegada da cruz em terra brasileira e foram presentes nas várias etapas da peregrinação na capital paulista, na catedral, nos bairros de periferia, nas paróquias, em todo canto os símbolos foram recebidos com festa, devoção e fé.
Agora, a cruz e o ícone de Nossa Senhora estão peregrinando todas as dioceses do Brasil. Na nossa Diocese de Mossoró os mesmos símbolos chegarão no mês de fevereiro, de 14 até 17, ou seja, da terça - quando uma delegação da Diocese irá recebê-los na Diocese de Caicó, até sexta - quando os entregará para a Diocese de Sobral, no Ceará.
Esperamos preparar manifestações bonitas na sua acolhida em Assu, ao longo de todas as etapas nos vários zonais da Diocese até sua despedida ao final, em Mossoró. O Cristo missionário e Nossa Senhora da Visitação passarão e irão ao encontro dos jovens e não-jovens. Muitos acolherão com alegria, outros ficarão indiferentes, outros, talvez, olharão com desprezo... já foi assim no tempo de Jesus na Galiléia, na Samária e Judéia, mesmo assim Ele veio e virá para todos, semeando a Boa Nova, não se importando que as sementes caiam no asfalto, entre os espinhos ou em terreno pedregoso.
Muitas sementes, esperamos, cairão em terreno bom, produzindo fruto pela graça de Deus. Para todos os batizados, sobretudo os jovens, a passagem da Cruz pode ser oportunidade para renovar um compromisso de engajamento com o Evangelho.
No sinal da Cruz é o próprio Cristo que vem ao nosso encontro e no sinal do ícone da Virgem Maria é sua Mãe e nossa mãe que nos visita. A Cruz lembra-nos ainda que Jesus esvaziou-se de sua glória para vir a nós, fez-se humilde e solidário com a humanidade, colocou-se ao lado de cada homem, especialmente daqueles que sofrem e dos que parecem não valer mais nada aos olhos do mundo. A cruz nos lembra o amor maior de Deus para nós.
Convocamos com coragem todos os jovens e o povo das nossas comunidades a olharem para a Cruz de Jesus. Assim, enraizados e edificados em Cristo, ficaremos firmes na fé. Que os dias da peregrinação dos símbolos da Jornada Mundial da Juventude em nossa Diocese sejam abençoados.



Dom Mariano Manzana
Bispo Diocesano