Homem invade Catedral de Santa Luzia e quebra a marretadas a vidraça do Cristo Morto




Um homem na manhã deste sábado, 16, quebrou a vidro que protege o Cristo Morto na Catedral de Santa Luzia. O fato ocorreu por volta das 8h e assustou funcionários e as pessoas que faziam orações no momento.
Segundo o secretário da Paróquia de Santa Luzia, Fabrício Brito, o homem entrou tranquilamente na Catedral e se aproximou do Cristo Morto. Ele disse que no momento do ataque havia uma senhora orando. “O homem entrou e se dirigiu para o local onde está o Cristo Morto. Ele chegou perto e começou a dar marretadas na vidraça. Foram umas três ou quatro”.
Fabrício Brito disse que o Padre Walter Collini já se dirigiu a Delegacia para fazer o Boletim de Ocorrência e os policiais que estiveram presentes a Catedral já viram as imagens das câmeras de segurança e estão em diligência para prender o homem.
“Pelas imagens das câmeras de segurança notamos que ele é um senhor de idade e está com a camisa azul e uma bermuda estampada. O Padre Walter Collini já se dirigiu à delegacia para fazer o Boletim de Ocorrência”.Por precaução, uma imagem histórica de Santa Luzia foi retirada do local e colocada em um local mais seguro para evitar novos ataques, informou Fabrício Brito. “Após o ataque nós tiramos essa imagem de Santa Luzia por precaução. No local nós vamos colocar uma réplica. Essa imagem tem mais de 100 anos”.
Ele ainda enfatizou que essa não é a primeira vez que a Catedral sofre esse tipo de ataque. Segundo ele, alguns anos atrás houve algo semelhante no local.






Fonte: Jornal de Fato