A medida do nosso amor é o amor de Cristo: amar até dar a própria vida!



Neste ano de 2015, a CNBB propõe para o Mês da Bíblia o tema “Discípulos Missionários a partir do Evangelho de João” e o lema “Permanecei no meu amor para produzir muitos frutos”.
Fecha-se, assim, um ciclo de quatro anos dedicados ao aprofundamento dos evangelhos iniciado em 2012 com o Evangelho de Marcos. O seguimento de Jesus exige do cristão uma maior aproximação de sua pessoas e de sua palavra.
 
A comunidade que viveu e testemunhou este evangelho surgiu entre os judeus que acreditaram que Jesus era o Messias esperado por eles. A guerra dos judeus contra os romanos (66 d.C.) provocou a dispersão das comunidades cristãs. Essas comunidades foram para o norte da Palestina e de lá chegaram até a Síria. Em torno do ano 70 d.C. emigraram para Éfeso.
A comunidade joanina era composta por pessoas pobres e  marginalizadas que começaram a viver de um jeito novo. Irmãos e irmãs unidos não pela lei, mas pelo amor. Essas pessoas, provavelmente, viviam sob a opressão da lei. Elas conseguiram ver na proposta cristã um caminho alternativo. Vivenciaram o amor mútuo e a certeza de que a presença do Verbo Encarnado em cada mulher e homem era a base que sustentava e animava sua vida.
O Evangelho de João continua desafiando cada um de seus leitores e leitoras a vivência do amor até as últimas consequências: “Ele, que tinha amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim” (Jo 13,1). O único mandamento que encontramos nesse evangelho é o mandamento do amor: “Eu dou a vocês um mandamento novo: amem-se uns aos outros. Assim como eu amei vocês, que vocês se amem uns aos outros!” (Jo 13,34; 15,17). A medida do nosso amor é o amor de Cristo: amar até dar a própria vida!
Na nossa Diocese muitas oportunidades serão oferecidas para a vivência do Mês da Bíblia. Mais que estudar o texto, somos convidados a meditá-lo junto com a comunidade com a ajuda dos roteiros para círculos bíblicos. Temos o material da própria CNBB, os roteiros do Serviço de Animação Bíblica, os do Centro Bíblico Verbo e também do Centro de Estudos Bíblicos – CEBI. Todos estes querem ser um apoio para o grupo de aprofundamento. Se informe na sua paróquia ou na Rádio Rural sobre encontros de introdução ao evangelho ou como adquirir os roteiros.
Em setembro, o programa Aprendiz da Palavra, do Centro de Estudos Bíblicos, será inteiramente dedicado a este evangelho. Acompanhe na Rádio Rural, das 8 às 9 horas, todos os domingos.
 
Texto- Zélia Cristina- Assessora do CEBI