Diocesano lança Festa que faz parte da programação dos seus 115 anos

O Colégio Diocesano Santa Luzia (CDSL) lançou ontem, durante cerimônia no Requinte Buffet, a Festa dos Ex-alunos e funcionários, que acontecerá no dia 5 de dezembro, a partir das 21h, na própria escola. A programação faz parte da comemoração dos 115 anos do Diocesano.
A festa será animada pelos cantores Dayvid Almeida e Aline Reis, Gianinni Alencar, André Luvi e pela banda Radiola Club. “A festa está sendo preparada por uma equipe de ex-alunos, mas todos os alunos devem dar a sua contribuição”, disse o vice-diretor da escola e coordenador da programação comemorativa, Padre Charles Lamartine.


Gustavo Rosado, um dos organizadores do evento, destacou que a contribuição dos ex-alunos pode ser através de fotos, vídeos ou músicas. “Estamos esperando que as pessoas enviem para nós fotos ou vídeos da época vivida na escola ou sugestões de músicas que marcaram essa época. Essas músicas farão o repertório da festa”, destacou.
Os organizadores estão contando com a participação dos ex-alunos através das redes sociais. As fotos, os vídeos ou as sugestões de músicas podem ser enviadas para o e-mail comunicacaocdsl@gmail.com.
As senhas para o evento estarão sendo vendidas a partir de hoje em todas as lojas O Boticário, em Mossoró e em Natal, na rede A Construtora.
A cerimônia também apresentou o espetáculo Natalis, um Auto de Natal que será encenado pelos integrantes do grupo de dança Diocecena entre os dias 27 e 29 deste mês, no adro da Catedral de Santa Luzia. O espetáculo tem coreografia e direção de Roberta Schumara, com participação de 50 alunos no Coral Diocesano.
Padre Charles destacou que a ideia é que o Natalis entre para o calendário cultural da cidade. “Esperamos contar com os gestores do município para que se torne parte do calendário cultural de Mossoró”, afirmou.
A programação também vai comemorar os dez anos do Diocecena, 40 anos da Universidade Infantil (UNIFAN), 60 anos de atuação do Padre Sátiro Cavalcanti Dantas no Diocesano e 61 anos de sacerdócio do mesmo.
Fonte: Gazeta do Oeste