Eleita equipe nacional de formadores das Santa Missões Populares

“As Santa Missões Populares ajudarão a sermos uma Igreja mais misericordiosa, pois não estão voltadas para si mesmas, mas para o povo” disse o bispo auxiliar de Brasília (DF) e secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Leonardo Steiner, em Encontro Nacional de Formadores. 
O evento foi realizado de 5 a 8 de janeiro, em Luziânia (GO), com participação de 42 representantes das arquidioceses, dioceses e prelazias do Brasil, além de coordenadores dos Conselhos Missionários Regionais (Comires) e Conselhos Missionários Diocesano (COMIDIs). Também, marcaram presença no encontro os bispos da prelazia de São Félix do Araguaia, dom Adriano Ciocca Vasino, e de Luziânia, dom Afonso Fiorenze. 





Ao falar da missão, dom Leonardo fez memória da caminhada missionária da Igreja, a partir da Encíclica “Evangelii Nuntiandi”, do beato Paulo VI. O bispo destacou o protagonismo de leigos e leigas que atuam nas Santas Missões Populares. “Precisamos apoiar todas as iniciativas que ajudam a Igreja ser cada vez mais missionária, principalmente, quando é um anúncio que não seja moralizante, que não impõe, mas um anúncio que atrai”, acrescentou dom Leonardo. 
Nova equipe
Durante o encontro foi constituída a nova equipe Nacional de Formadores e Articuladores para os Regionais das Santa Missões Populares. Conheça os membros:
Padre Luiz Mosconi, padre José Ângelo Figueira (Dehoniano) - arquidiocese de São Luiz (MA); irmã Dirce Gomes da Silva (Irmãs de Cristo Pastor) - arquidiocese de Londrina (PR); padre Antônio Lopes de Lima - diocese de Limoeiro (CE); padre João Paulo Ribeiro - diocese de Caxias (MA); padre Henrique Neveston da Silva - diocese de Guaxupé (MG) e dom Adriano Ciocca Vasino - bspo da prelazia de São Félix do Araguaia, como referencial para as Santas Missões Populares e Renata Barbosa Barreto - diocese de Luziânia (GO). 
Fonte: CNBB