Em mensagem para Quaresma, papa Francisco motiva obras de misericórdia

“Prefiro a misericórdia ao sacrifício” (Mt 9, 13). As obras de misericórdia no caminho jubilar 


A passagem bíblica do Evangelho de Mateus “Prefiro a misericórdia ao sacrifício” motiva a reflexão para a Quaresma 2016. Na mensagem para esse tempo litúrgico, o papa Francisco aborda as obras de misericórdia, no contexto do Ano Santo, iniciado no ano passado. 
“A Quaresma deste Ano Jubilar é um tempo favorável para todos poderem, finalmente, sair da própria alienação existencial, graças à escuta da Palavra e às obras de misericórdia. Se, por meio das obras corporais, tocamos a carne de Cristo nos irmãos e irmãs necessitados de ser nutridos, vestidos, alojados, visitados, as obras espirituais tocam mais diretamente o nosso ser de pecadores: aconselhar, ensinar, perdoar, admoestar, rezar”, escreveu o papa. 
A Quaresma terá início na Quarta-Feira de Cinzas, 10 de fevereiro. Nesta mesma data, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) abre, oficialmente, a Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE) 2016, com o tema “Casa comum, nossa responsabilidade e lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5,24).
Leia na íntegra a mensagem para a Quaresma 2016 no site da CNBB 
http://www.cnbb.org.br/