Oratório de Santa Luzia 2019 contará com mais de 200 pessoas em cena




Um espetáculo de fé, feito por pessoas de fé. O Oratório de Santa Luzia 2019 promete emocionar o público com a história do martírio da virgem de Siracusa contada por pessoas da comunidade e artistas locais.
O experiente diretor Marcelo Flecha, que dirigiu recentemente o Auto da Liberdade, comenta que a preparação do espetáculo entrou na reta final. O elenco conta com 230 pessoas em cena, sendo 200 voluntários e 30 artistas (atores e bailarinos) da cidade de Mossoró. O espetáculo terá um maior volume de gente, mas manterá a mesma preocupação estética e profissional.
“No plano cenográfico vamos tentar fazer do Adro da Catedral de Santa Luzia um grande palco, onde será criada uma estética com muitos terços e fitinhas. O Oratório de Santa Luzia tem como diferencial o fato de lidar com uma coisa mais sensível e sutil, que é a fé das pessoas. O resultado está ficando muito bom, teremos um espetáculo digno da festa”, destacou Marcelo Flecha.
A atriz Mônica Danuta interpreta o papel de Luzia pela sexta vez. Ela atuou como a Virgem de Siracusa nos anos de 2010, 2011, 2012, 2013 e 2015. Além de Danuta, integram o elenco os atores veteranos Tony Silva, Plínio Sá, Joriana Pontes, Boanerges Perdigão e Jeyson Leonardo.
Os ensaios estão ocorrendo desde o dia 04 de novembro, na Escola de Artes de Mossoró. O ensaio geral será no dia 02 de dezembro, logo após a novena, no adro da Catedral de Santa Luzia. O espetáculo será encenado de 03 a 12 de dezembro.
Através da Lei de N° 3366/2015, o Oratório de Santa Luzia é Patrimônio Cultural de Mossoró. O espetáculo é patrocinado pela Cosern, Café Santa Clara e Cimento Mizu, através da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo.