Missa em Ação de Graças pelo centenário de nascimento de Padre Guido Tonelotto




O Padre Guido Tonelotto se estivesse vivo completaria nesta segunda-feira (3) 100 anos de vida. Uma Missa em Ação de Graças pelo centenário de nascimento de Padre Guido será celebrada, às 17h, na Matriz de São José, onde ele viveu seu sacerdócio por mais de 30 anos e fundou um dos mais significativos projetos sociais de Mossoró, o Projeto Esperança. Padre Guido faleceu aos 89 anos no dia 11 de novembro de 2009, deixando um legado de solidariedade e amor aos mais humildes.

História- Padre Guido nasceu em 3 de fevereiro de 1920, em Concórdia, província de Veneza, Itália, filho de José Tonelotto e da costureira Maria Zadro, irmão de Vitorino, Bruno e Amélia. Sua família vai residir na França, onde faz sua Primeira Comunhão em 1927, em Jallieu, Diocese de Grenoble, onde também foi crismado em maio de 1932. Aos 12 anos, ingressou no Seminário de Grenoble, onde ficou até 1939, quando a família voltou à Itália, cidade de Verona.

Ingressa na Ordem Salesiana em 1939. Conclui os estudos de Filosofia e Teologia no Instituto Salesiano de Monteortono, em Pádua. A 29 de junho de 1948, é ordenado sacerdote por D. Carlos Agostini, bispo de Pádua, na Igreja de Monteortono. Celebrou a primeira missa na Catedral de Concórdia, a 11 de julho de 1948.

Iniciava-se ali grande missão de pastorear as "ovelhas de Cristo". Foi diretor, professor, orientador espiritual. Em todas as atividades pastorais deixou o marco de seu carisma espiritual, sua caridade, seu serviço. Em maio de 1955, tornou-se um missionário Salesiano em terras brasileiras. Chegou ao Brasil em novembro. Rezou a sua primeira missa no Dia de Finados, no Colégio Salesiano de Carpina, onde foi diretor do Seminário Menor e orientador do Aspirantado Salesiano. Conheceu então o Padre Dom Gentil Diniz, Pároco de Limoeiro (PE), futuro bispo de Mossoró. Em 1958, foi enviado à região Norte, onde dirigiu os Colégios Salesianos de Belém e de Manaus.

Volta à Itália e assume a direção do Centro de Formação para Leigos na América Latina. Permanece em Roma até 1973, quando, convicto de sua paixão pelos pobres, especialmente, pelas crianças marginalizadas, volta para o Brasil a convite de Dom Gentil, assumindo a paróquia de Martins. Em 1978, transfere-se para paróquia de São José, em Mossoró (RN). Nela realizou sua grande obra social. Fundou o Projeto Esperança, voltado à assistência integral de crianças, adolescentes e jovens da periferia de Mossoró. Uma obra social voltada à assistência integral de crianças, jovens e adolescentes da periferia de Mossoró, oferecendo atividades diversas. O Projeto hoje atende mais de setecentas crianças na sede própria ao lado da Matriz de São José. 


Missa em Ação de Graças pelo Centenário de Vida de Padre Guido
Data- 03/02/2020
Horário- 17h
Local- Matriz de São José em Mossoró- RN 

*Com informações do site  Bom de Mossoró